Consumidor.gov se torna referência na resolução de problemas de consumo

Plataforma do governo já soma mais de 1 milhão de reclamações finalizadas em 2019

Capa (1)

Por Junior Poncciano

A plataforma Consumidor.gov, serviço do governo que possibilita que o consumidor resolva problemas de consumo diretamente com as empresas, se tornou aliada dos consumidores. Segundo dados da plataforma, até o dia 21 de maio de 2019, foram registradas 1.864.849 reclamações finalizadas. O serviço já conta com 1.360.708 usuários e 516 empresas cadastradas. Criada em 2014, o Consumidor.gov é uma ferramenta controlada pela Secretaria Nacional do Consumidor, pelos Procons, pelas Defensorias e Ministérios Públicos, entre outros órgãos.

Os dados também mostram que a região sudeste detém o maior número de reclamações, 49,4%, seguida pela região sul, com 20,2%, nordeste, com 15,7%, centro-oeste, com 9,9% e, por último, a região norte, com 3,6%.

O serviço oferece uma base de dados onde o consumidor que está com algum problema devido a uma compra ou produto possa entrar em contato diretamente com a empresa fornecedora, que tem um prazo de 10 dias para responder. Após a resposta da empresa, o comprador tem um prazo de 20 dias para classificar o retorno do fornecedor, informando se o problema foi resolvido

É importante ressaltar que, para que a reclamação seja feita, a empresa deve ser cadastrada na plataforma, o que acontece de forma voluntária.

O objetivo da ferramenta é ampliar o atendimento aos consumidores, já que o serviço é de fácil acesso, e incentivar a competitividade e melhoria dos serviços prestados pelas empresas tendo em vista que a plataforma se transforma em site que mostra a reputação de cada fornecedor dando a opção de análise ao consumidor antes de efetuar alguma compra.

Para o estudante de Direito Paulo Eduardo Nunes, a plataforma auxiliou na celeridade de um problema com uma loja de produtos pela internet. E le efetuou uma compra e devido a um problema no site, acabou pagando mais. “Entrei em contato com o SAC da empresa e me deram uma data para o reembolso. Após 20 dias depois da data prevista eu ainda não tinha recebido a devolução” afirma Paulo.

Como o contato com a empresa não estava sendo suficiente para a resolução do problema, Paulo registrou uma reclamação no Consumidor.gov. “Após o registro no site, a empresa entrou em contato e fez o depósito no mesmo dia.”

Paulo Eduardo Nunes
Paulo Eduardo Nunes

Paulo acredita que a rapidez no retorno da empresa devido a reclamação na plataforma torna as relações de consumo mais amigáveis. “As empresas não querem ficar com uma fama ruim na plataforma, por isso resolvem o mais rápido possível. A plataforma possibilita que conversemos com as empresas de igual para igual. Os dois querem resolver o problema” completa.

Problemas relacionados a instituições financeiras e serviços de telefonia são os mais reclamados. O gráfico abaixo mostra os itens mais demandados no ano de 2018 segundo o último levantamento feito pelo Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor, órgão da Secretaria Nacional do Consumidor.

infográfico

 

O advogado Diego Rodrigues destaca facilidade de resolução oferecida pelo Consumidor.gov e ressalta a importância de se estar atento antes de efetuar uma compra, principalmente pela internet. Confira no áudio abaixo.

Diego acredita, ainda, que o serviço prestado pela plataforma deve ser reconhecido. “O Código de Defesa do Consumidor já protege a população, e o surgimento de mecanismos como esse, que auxiliam na resolução de conflitos, só trazem benefícios às relações e consumo” afirma o advogado.

Como usar


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s