11º Encontro de Comunicação e Cultura acontece na Estácio Brasília

Evento promovido no final de outubro, por alunos da instituição, trouxe muito bate papo com profissionais e trocas de experiências

Por Alcino Meireles, Edimara Santos, Cristiane Noberto e Aline Gonçalves

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

Em outubro deste ano, a Estácio Brasília promoveu o 11º Encontro de Comunicação e Cultura (Ecomc). Desde 2007 o encontro é realizado pelos alunos de comunicação social do centro universitário. Neste ano, o evento ocorreu nos dias 22, 23 e 24 de outubro e contou com profissionais para debater o tema central: “As novas formas de se perceber e consumir a web 3.0”.

As palestras, mesas redondas e workshops aconteceram nos os dois turnos do curso, noturno e matutino. Os principais debates ocorreram sobre Fake News e gerenciamento de redes sociais.

Na palestra ocorrida na segunda-feira (22), o gestor de comunicação do SINPOL/DF, Diógenes Santos, deu dicas de como gerenciar a marca nas redes sociais. Para ele, o princípio fundamental é a interação. “Não adianta ter milhares de seguidores, posts bonitos se não se interage. No mínimo quanto a pessoa faz um comentário na sua postagem você tem que curtir, assim ela vai perceber que foi notada. É uma maneira sutil de interação”, afirmou.

Diógenes também abordou dois aspectos que acha fundamental: o conteúdo e o relacionamento. “O conteúdo é toda a parte de vídeos, imagens, fotos. Já o relacionamento é uma das principais bases para uma boa interação com o cliente. O sistema de SAC, que é uma ferramenta onde pega-se todas as principais dúvidas dos clientes e faz uma compilação em uma área determinada, também traz maior visibilidade para a marca”, disse.

Os alunos presentes nas palestras exaltaram a expectativa em aprendizado, bem como tiveram suas dúvidas sanadas durante o debate. Danily Ferreira, do 6º semestre de jornalismo, demonstrou seu entusiasmo em saber mais sobre as redes sociais. “Onde eu mais quero me envolver é nessa área, pois é o que mais gosto: do contato com o povo nas redes sociais”, contou.

O bate papo na palestra “Fake News e desinformação” teve um formato diferente, onde o jornalista Fabiano Bonfim, da Record Brasília, fez uma troca de experiência com os alunos que estavam presentes. “As Fake News estão na vida de todo mundo. Estamos começando com esse movimento de ativismo contra a mentira. Se os alunos puderem ver isso e, independente de posição política, se comprometerem com a verdade e a justiça, esse movimento vai ganhar. A Fake News que dominou nosso país e é uma ameaça latente a nossa democracia”, falou.

Confira abaixo os temas que aconteceram nesta 11ª edição do ECOMC:

20181024_160727_0001

EDIÇÕES ANTERIORES

O ECOMC é promovido desde 2007 pelos alunos da antiga Faculdade de Ciências Sociais e Tecnológicas (FACITEC) e foi herdado desde 2015 pelos alunos da Estácio. O evento já teve como temas:

2010 – Mídias e Direitos Humanos

2011 – Mídias Sociais

2016 – Os desafios da comunicação multiplataforma

2017 – Empreendedorismo, cidadania e cultura

2018 – As novas formas de se perceber e consumir a web 3.0

 


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s